[Música] Blind Guardian: Bard’s Song

Ficar sem meus CDs teve um efeito interessante. Acabei sentindo falta de muitas músicas fundamentais na vida de qualquer um que se considere inteligente nesse mundo e curta metal. Fui atrás das músicas do Blind Guardian, só para ouvir enquanto trabalhava e o YouTube é uma dádiva nesse aspecto. Claro que, como sempre, ouvi um bocado de música, entrei em pânico, saí correndo e fui na Virgin comprar CDs. SIM, EU COMPRO! EU NÃO BAIXO! :-p

El Cid, essa é para vossa sapiencia, meu filho! 🙂

Bom, compra feita, aí vai o melhor destaque em duas versões:

Estúdio (num dia que os caras TOMARAM BANHO):

Ao Vivo (vocalista pra que mesmo? e isso que é voz, mesmo com o povo cantando, ele arrebenta):

A letra:
Now You all know
The bards and their songs
When hours have gone by
I’ll close my eyes
In a world far away
We may meet again
But now hear my song
About the dawn of the night
Let’s sing the bards’ song

[Ref.:]
Tomorrow will take us away
Far from home
No one will ever know our names
But the bards’ songs will remain
Tomorrow will take it away
The fear of today
It will be gone
Due to our magic songs

There’s only one song
Left in my mind
Tales of a brave man
Who lived far from here
Now the bard songs are over
And it’s time to leave
No one should ask You for the name Of the one
Who tells the story

[Ref.:]
Tomorrow will take us away
Far from home
No one will ever know our names
But the bards’ songs will remain
Tomorrow all will be known
And You’re not alone
So don’t be afraid
In the dark and cold
‘Cause the bards’ songs will remain
They all will remain

In my thoughts and in my dreams
They’re always in my mind
These songs of hobbits, dwarves and men
And elves
Come close Your eyes
You can see them, too

Sobre 

Fábio M. Barreto roteirista e diretor de cinema e TV. Baseado em Los Angeles, nos Estados Unidos, atuou como criador de conteúdo multimídia, mentor literário e é escritor premiado e com vários bestsellers na Amazon.com.br. Criador do podcast "Gente Que Escreve" e dos cursos "Escreva Sua História" e "C.O.N.T.E. - Curso Online de Técnicas para Escritores".

    Saiba mais sobre mim:
  • facebook
  • googleplus
  • linkedin
  • twitter
  • youtube

16 comentários sobre “[Música] Blind Guardian: Bard’s Song

  1. Barretão, fui no show dos caras aqui em Belo Horizonte só que só o público cantou The Bard Song. Ele cantou só algumas partes, mas mesmo assim….foi um dos momentos mais …sei lá da minha vida: um grupo de pessoas brasileiras esticando a mão para o alto e cantando uma música em inglês de um grupo alemão!! A globalização tem seus milagres!!!
    PS: Fiquei inspirado a respeito do seu poste sobre a falta de magia de Hollywood e escrevi um post a respeito do filme Excalibur ni meu blog.

  2. @ Ed
    O duro é que nao consigo concordar que Mirror Mirror seja melhor isoladamente. Nightfall on Middle Earth foi meu primeiro disco oficial do Blind e eu ouvi tanto, e pirei tanto, pois eu acabei relendo os livros pela 5a vez quando o disco chegou, que eu encaro tudo aquilo como uma “obra só”. É difícil tirar do contexto.

    Bard’s Song tem um lance meio de relação direta por eu ser um bardo, então ela acaba arrasando em vários aspectos. Mas o que é o público cantando. Chega a dar mais arrepio que show do Iron. (agora o Rigotti me espanca). haha. Calma, calma! Não estou xingando e nem desmerecendo! :-p
    O Bruce ainda precisa cantar uns pedaços, se o Hansi pegar uma coca e sentar num banquinho, a galera cobre o show inteiro se deixar. hahahaha.
    Se bem que, em termos de presença de palco, ninguém bate o Bruce.
    Enfim… metal é metal. 😛

  3. Conheci o Blind através de um fã da revista que me mandou de presente um cd(pirata claro ^_^) só com metal, eram as preferidas dele, tinha um monte de banda e tinha, obviamente, Blind. Sem saber, amei The Bard’s Song logo de cara, aliás, amei as músicas do Blind que ele tinha escolhido para o cd. Foi um dos melhores presentes de fã que eu já ganhei, só perde para os vídeos shippers da Cintia Melloti(Mulder e Scully rulez!!!!) ^_^
    Esse vídeo ao vivo é de arrepiar e nem vem, quero os cds emprestados 😛
    Beijo

  4. Show dos caras em curitiba eu sentia como tendo recuperado o dinheiro do ingresso ja na segunda musica… emocionante demais… gritaria demais….

    pena que o hansi nao tenha muita interacao com a galera… maximo que faz é colocar a mao no joelho e a perna em cima do treco do palco…. nesse aspecto o do Hammerfall destroi, muito agitados os caras…

    mas blind… meu deus…. melhor banda…. hands down….
    a night at the opera eh brilhante para dizer o minimo…… twist in the myth otimo tb… nightfall eh perfeito…

  5. Bom eu demorei um tempo pra responder, mas espero q vc leia isso… concordo q Nightfall on Middle Earth seja uma obra por completo q deve ser ouvida na integra e associada a leitura do silmarrilion fica perfeito, mas se eu tiver q selecionar uma unica eu escolho mirror mirror…

    PS: uma sugestão, pq vc não faz uma resenha sobre a versão deles de Mr Sandman…o hansi de palhaço é umas das coisas mais bizarras q já vi…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *