Finais Alternativos de LOST

Lost acabou na noite de ontem, mas além da discussão sobre o significado da conclusão, os fãs não podem deixar de conferir os três finais alternativos escritos por Carlton Cuse e Damon Lindelof, e interpretados pelas estrelas da série. Esses finais mostram um pouco como funcionou o processo criativo da série ao longo de seus 6 anos de existência.

Clique e descubra como a série poderia ter terminado!

TEM CERTEZA QUE QUER VER?

MESMO?

TUDO BEM! AVISEI!

AGORA VAI!

Gostou?

E viva a criatividade!

É assim que se escreve roteiro! 😀

Mais uma produção com a assinatura de Jimmy Kimmel! :p

Sobre 

Fábio M. Barreto roteirista e diretor de cinema e TV. Baseado em Los Angeles, nos Estados Unidos, atuou como criador de conteúdo multimídia, mentor literário e é escritor premiado e com vários bestsellers na Amazon.com.br. Criador do podcast "Gente Que Escreve" e dos cursos "Escreva Sua História" e "C.O.N.T.E. - Curso Online de Técnicas para Escritores".

    Saiba mais sobre mim:
  • facebook
  • googleplus
  • linkedin
  • twitter
  • youtube

19 thoughts on “Finais Alternativos de LOST

  1. Como pode uma série que cada pessoa que viu entendeu de um jeito, e ainda assim ser boa? Me desculpem os fãs mas LOST não dá.
    O roteiro ficou perdido com tanta informação e não souberam fechar tudo.
    E ainda tem gente que acha que isso foi o supra sumo da tv mundial.
    Assim não dá. Pode ser até interessante o conceito que “tentaram” passar, mas não é tudo isso não.

    1. “Como pode uma série que cada pessoa que viu entendeu de um jeito, e ainda assim ser boa?”
      Pra citar pouquissimos exemplos. 2001, Magnolia, Donnie Darko, Mulholland Dr. e a própria Bíblia não são assim tb?

  2. Lost não dá todas as informações mastigadinhas pro espectador. Faz ele pensar, interpretar. Foi assim a série toda, foi assim no desfecho.

    Como eu disse ontem no twitter, obviamente teríamos o grupo dos que gostaram e o dos que odiaram. Fico feliz por estar situado no primeiro.

    Valeu, Lost!

    1. Mas é isso que está errado, o “interpretar”, se fosse descobrir, encontrar, mas não, é tudo interpretação. Não existe algo concreto é tudo “achismo” e isso hoje em dia é muito ruim pra series de TV.
      É claro que essa é a minha opnião, tem gente que amou o LOST e respeito, eu pessoalmente achei apenas normal mas não isso tudo que falaram.

  3. Pingback: SOS Hollywood
  4. Pingback: Francis Rosário
  5. Pingback: Aline Bicudo
  6. Pingback: Carlos Tourinho
  7. Pingback: Wagner Brito
  8. Pingback: Guto Senra
    1. sei la… isso é desculpa de quem nao teria como dar resposta direta…
      lembro de bruxa de blair.. todo mundo dizendo:
      – é muito bom… se vc nao gostou é porque nao entendeu
      bem.. eu gostei de Bruxa de blair, mas.. acho essa resposta muito furada..

      hj em dia, qualquer um diz:
      – se vc nao gostou é porque nao entedeu!!!

      daqui a pouco vão dizer que nazismo era legal, quem nao gostou é porque nao entendeu…
      PLEASE, menos!!!!!! (nao pra vc matheu, digo isso pra muitos que criticam pessoas que nao gostavam da serie ou nao gostaram do final)

      como se fosse obrigaçao gostar… senao as pessoas não farão parte do “grupo legal”…

  9. O cara simplesmente confundiu interpretação com “achismo”, fala sério camarada. Se sua capacidade de interpretar é ruim, num vem falar que a série é ruim não.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *