Canal Brasil: Zé do Caixão e Twitter

Fiquei de queixo caído quando descobri que o Canal Brasil tem um talk show com Zé do Caixão, o maior ícone do cinema de terror no Brasil! Mas ele não é o único, aliás, muitas coisas mudaram desde a estréia do canal. Ainda bem que existe a internet para me manter informado nessas horas!

Por Fábio M. Barreto,
De Los Angeles

Na semana em que acontece mais uma edição do Los Angeles Brazilian Film Festival, resolvi dar uma atenção ao Canal Brasil. Sem querer, filmes brasileiros têm surgido em diversas ocasiões aqui no SOS, seja pelo festival, seja por uma grande discussão que tive com Wikerson Landin numa gravação do SOS Cast ou mesmo na semana retrasada, quando assisti ao documentário Sequestro, na abertura do Beverly Hills Film Festival. Aí descobri algo engraçado: o Canal Brasil estreou em 18 de setembro de 1998. E adivinha quem faz aniversário nesse dia? Eu! Justo o cara que só reclama da tendência canarinha de fazer filmes monotemáticos e não apostar em gêneros mais criativos como ficção científica e fantasia, ou ignorar nossa pequena, mas válida, história militar.

Passei lá no site do canal e tomei um susto! Também pudera, há anos não prestava atenção no que acontecia ali. Impressão bem ruim causada por um início marcado por pornochanchadas em excesso e transmissão de baixa definição [muito por conta do péssimo estado em que os filmes nacionais eram armazenados até então]. E não é que as coisas mudaram um bocado por lá? E pirei numa coisa: Zé do Caixão tem um Talk Show!!! O Estranho Mundo de Zé do Caixão é atração fixa da grade de sexta-feira, à meia noite. Poxa, que fantástico! Já que o José Mojica Martins não faz mais tantos filmes, pelo menos mantém esse personagem fundamental para o cinema trash e o terror brasileiro em destaque na TV. Charles Gavin que me perdoe, mas talk show de música [ele também tem um programa no canal] é mais simples de fazer, agora um com o Zé é inigualável! Brincadeiras à parte, afinal, o programa do Gavin tem um nível intelectual altíssimo, achei louvável a idéia de prestigiar o Mojica.

[ATUALIZAÇÃO] Nessa semana, Zé do Caixão vai entrevistar Alexandre Frota, uma das “celebridades” mais bizarras do Brasil. De ator da Globo a ator pornô, hehe. Deve ser um papo curioso. [Fim da Atualização]

E, claro, Zé do Caixão lança sempre suas pragas no bloco “A Praga da Semana”. É hilário! Essa é a mais engraçada que encontrei no site do canal [atenção especial para as aspirantes a extra em adaptação para os livros do André Vianco:

Claro que as pornochanchadas estão lá, afinal, desde que a Record passou ao comando religioso, Grande Otelo e companhia perderam um de seus melhores exibidores nas madrugadas. Mas fico feliz só em saber que o cinema é apenas um aspecto analisado dentro da produção cultural brasileira, afinal, é o Canal Brasil, não o “canal de cinema brasileiro”. Mas como a TV a cabo já tem aquela audiência fantástica no Brasil [sim, isso foi uma ironia], a emissora resolveu apostar nas mídias sociais e agora tem contas no Facebook, Twitter e no Orkut (nossa, aquilo ainda existe? Credo!).

Como não tenho Facebook e abomino o Orkut, já estou seguindo no Twitter. 🙂

Aliás, você segue o SOS Hollywood no Twitter? Como assim?! Siga já, ou Zé do Caixão também vai te rogar uma praga!

Sobre 

Fábio M. Barreto roteirista e diretor de cinema e TV. Baseado em Los Angeles, nos Estados Unidos, atuou como criador de conteúdo multimídia, mentor literário e é escritor premiado e com vários bestsellers na Amazon.com.br. Criador do podcast "Gente Que Escreve" e dos cursos "Escreva Sua História" e "C.O.N.T.E. - Curso Online de Técnicas para Escritores".

    Saiba mais sobre mim:
  • facebook
  • googleplus
  • linkedin
  • twitter
  • youtube

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *